Minha História com o Vegetarianismo

Oi pessoal, tudo bom com vocês?

Meu nome é Cintia, sou apaixonada por animais e há pouco tempo decidi virar vegetariana, por isso escolhi o vegetarianismo como um dos meus temas para o blog. Espero que vocês possam aprender muitas coisas comigo, da mesma forma que eu pretendo aprender com vocês.

Como hoje vou inaugurar nosso tema sobre o vegetarianismo, eu preferi contar um pouco da minha história para que vocês possam me conhecer e entender melhor.

Eu sempre tive muito orgulho de conhecer alguém vegetariano ou vegano, às vezes passava pela minha cabeça virar vegetariana, mas eu achava que era algo muito difícil e eu nem me dava ao trabalho de pesquisar sobre. Quando no final de 2015 ganhei três pintinhos para criar.

Celular 2857

Eu sei que essa foto não é das melhores, mas acabou que eu não consegui tirar muitas deles juntos.

Eu tinha muito cuidado com todos eles na hora de soltar no jardim, pois aqui na minha casa sempre aparece alguns gatos e eu tinha medo. Infelizmente um dia aconteceu o pior, um deles foi atacado por algum animal e não resistiu, quando fiquei sabendo do que tinha acontecido fiquei muito triste, chorei e decidi tomar uma grande decisão na minha vida.

No dia 12 de Dezembro de 2015, quando foi que ocorreu o ataque, eu decidi que ele não teria morrido em vão e que eu faria algo por ele, daí por diante não como mais carne, faço pesquisas para entender melhor sobre o assunto, vou à nutricionista e tento fazer sempre o melhor pelos animais, pelas pessoas e pelo mundo.

Eu sei que pode ser difícil tomar essa decisão, mas quando você escolhe fazer algo desse tipo parece que você se sente mais leve, sabe que está fazendo o que pode. Não sei se vou me tornar vegana ou o que vou fazer daqui para frente em relação a isso, mas eu sei que todas as dificuldades e obstáculos que a gente passa por ser vegetariano ou vegano, não é nada comparado ao sofrimento desses animais.

Celular 4091

Esses são os patinhos que estou criando junto com os dois pintinhos.

Pode parecer besteira para alguns eu virar vegetariana do nada e só por causa de um pintinho, mas você passa a entender melhor depois de conviver e conhecer esses animais. Eles podem ser super dóceis e carinhosos, sentem medo e dor, eles não são comida. A gente não precisa deles para sobreviver, hoje em dia temos um leque de opções de comida sem origem animal e não vale à pena ajudar nessa violência e crueldade contra os animais por causa de uma “vaidade nossa”.

Espero que minha história tenha feito vocês repensarem um pouco sobre suas atitudes em relação a isso.

Beijos e até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s