[Resenha] A Caminho do Altar – Julia Quinn

Ei Pessoas,

Tudo certo com vocês?

Hoje, trago pra vocês (infelizmente) a resenha do livro do ultimo Bridgerton solteiro. Rs

9788580415735

Sinopse

Ao contrário da maioria de seus amigos, Gregory Bridgerton sempre acreditou no amor. Não podia ser diferente: seus pais se adoravam e seus sete irmãos se casaram apaixonados. Por isso, o jovem tem certeza de que também encontrará a mulher que foi feita para ele e que a reconhecerá assim que a vir. E é exatamente isso que acontece.

O problema é que Hermione Watson está encantada por outro homem e não lhe dá a menor atenção. Para sorte de Gregory, porém, Lucinda Abernathy considera o pretendente da melhor amiga um péssimo partido e se oferece para ajudar o romântico Bridgerton a conquistá-la.

Mas tudo começa a mudar quando quem se apaixona por ele é Lucy, que já foi prometida pelo tio a um homem que mal conhece. Agora, será que Gregory perceberá a tempo que ela, com seu humor inteligente e seu sorriso luminoso, é a mulher ideal para ele?

A caminho do altar, oitavo livro da série Os Bridgertons, é uma história sobre encontros, desencontros e esperança no amor. De forma leve e revigorante, Julia Quinn nos mostra que tudo o que imaginamos sobre paixão à primeira vista é verdade – só precisamos saber onde buscá-la.

O Que Eu Achei!?

Como podemos ler na sinopse, Gregory, ao contrário de muitos homens acredita que o amor existe, e espera por isso. Em um evento realizado por Kate e  Anthony, Gregory visualiza o pescoço de uma dama, e perde total noção do mundo a sua volta, porque tem certeza absoluta que foi por aquilo que esperou a sua vida inteira, e que aquela dama em questão é a mulher de sua vida!, trata-se de Hermione, amiga de Lucy. Após se apresentar as damas, Gregory pede para dançar com Hermione, que rapidamente joga a amiga nos braços dele e foge, por dois motivos: um que ela não sabe dançar e dois ela já está apaixonada por outro homem. Ao conversar com Gregory, Lucy percebe que o mesmo está com fome e o leva até a mesa de aperitivos e o livra da obrigação da dança para que ele possa comer a vontade, os dois começam a conversar e ali nasce uma amizade sincera e estranha.

Como Lucy sabe, Hermione está apaixonada por outro homem, um que não é adequado para uma filha de conde se casar.  Então, resolve ajudar Gregory para fazer com que ele e sua amiga fiquem juntos. O plano em questão não dá muito certo, e Lucy acaba tendo uma conversa intrigante com Gregory. Mas ainda assim quer ajuda-lo a conquistar Hermione. No dia seguinte, Richard, irmão de Lucy, chega a residencia dos Bridgertons, trazendo uma noticia não tão boa para Lucy, seu noivado foi finalmente concretizado e ela se casará em breve, com uma pessoa que ela mal viu três vezes. Kate insiste para que eles fiquem até o baile e ele aceita (Porque a gente sabe, é durante os bailes que as coisas acontecem! rs)

Durante o baile, Gregory pede para Lucy dançar com ele, e ele curti o momento dos dois, fica feliz em ter certeza que Lucy seria uma boa parceira de dança e estava tudo indo bem entre os dois, até Lucy comentar que Hermione havia sumido com Richard a mais de uma hora, e que não via os dois em lugar algum. Gregory entra em desespero, pois desde o primeiro contato com Richard, percebeu que ele também era apaixonado por Hermione. Ele sabia que isso não era um bom sinal, então, ele, Lucy e Kate começam uma caçada pela casa atrás dos dois.

E não é que eles são encontrados, juntos e numa posição bem comprometedora!? Richard e Hermione já saem noivos do local onde foram pegos, e Gregory sai arrasado, direto para o escritório do irmão, onde poderia beber a vontade. Lucy é obrigada a voltar para a festa, mesmo contra a vontade. Cansada, resolve voltar para o quarto sozinha, e da de cara com quem? HAHA Gregory, eles conversam, ela pede desculpas pelo o que aconteceu e os dois se beijam. Lucy percebe que se apaixonou por Gregory e tudo que ela não desejava ou acreditava antes referentes a paixão e amor, ela sente por ele. No dia seguinte Lucy está de partida e Gregory pede desculpas a ela pelo o que aconteceu entre eles. Lucy fica decepcionada porque achava que ele havia sentindo o mesmo que ela, e Gregory porque ela vai embora sem nem olhar para trás.

Qual será o destino desses dois? Estarem juntos, ou separados?

Não é que não tenha gostado do livro, mas eu esperava mais! Pra mim, é a capa mais linda que tem, e eu fiquei super apaixonada, pensei que o livro seria o melhor de todos (eu e minhas paixões por capas). Acho que não sei dizer quem é o Gregory, porque não sinto que tenha conhecido o personagem de verdade.

O livro tem mistério, reviravoltas e o amor dos personagens principais, e lógico que fiquei torcendo pra que eles ficassem juntos, mas esse livro está longe de ser um dos meus favoritos.  O Epilogo foi a parte que mais gostei do livro e queria ter lido mais depois disso.Valeu a pena ter lido, porque é sempre bom saber mais sobre a família Bridgerton e como é bonito o amor e a devoção que eles tem um pelo outro.

Outros Comentários

“Este romance é radiante e festivo como uma taça de champanhe. Brindemos a ele, porque vale a pena.” – Publishers Weekly

“Inteligente e divertido.” – Time Magazine

Outros Livros da Série

Série Os Bridgertons (Livro 2) – O Visconde que me Amava

Série Os Bridgertons (Livro 3) – Um Perfeito Cavalheiro

Série Os Bridgertons (Livro 4) – Os Segredos de Colin Bridgerton

Série Os Bridgertons (Livro 5) – Para Sir Phillip, Com Amor

Série Os Bridgertons (Livro 6) – O Conde Enfeitiçado

Série Os Bridgertons (Livro 7) – Um Beijo Inesquecível 

E se como eu, vocês ficaram com aquele gostinho de quero mais.. Já está lançado e espero adquirir em breve o Livro e Viveram Felizes Para Sempre.. Olhem a sinopse.. quero muito, muito, muito esse livro.. Tipo, pra ontem! Rs

Alguns finais são apenas o começo…

Era uma vez uma família criada por uma autora de romances históricos…

Mas não era uma família comum. Oito irmãos e irmãs, seus maridos e esposas, filhos e filhas, sobrinhas e sobrinhos, além de uma irresistível matriarca. Esses são os Bridgertons: mais que uma família, uma força da natureza.

Ao longo de oito romances que foram sucesso de vendas, os leitores riram, choraram e se apaixonaram. Só que eles queriam mais. Então começaram a questionar a autora: O que aconteceu depois? Simon leu as cartas deixadas pelo pai? Francesca e Michael tiveram filhos? O que foi feito dos terríveis enteados de Eloise? Hyacinth finalmente encontrou os diamantes?

A última página de um livro realmente tem que ser o fim da história? Julia Quinn acha que não e, em E viveram felizes para sempre, oferece oito epílogos extras, todos sensuais, engraçados e reconfortantes, e responde aos anseios dos leitores trazendo, ainda, um drama inesperado, um final feliz para um personagem muito merecedor e um delicioso conto no qual ficamos conhecendo melhor ninguém menos que a sábia e espirituosa matriarca Violet Bridgerton.

Veja como tudo começou e descubra o que veio depois do fim desta série que encantou leitores no mundo inteiro.

E pra deixar com ainda mais vontade, leiam só esse pedacinho do livro…

Violet Bridgerton era Violet Bridgerton havia precisamente oito horas e, até aquele momento, estava adorando.

– Eu amo você – disse Edmund.

– Não tanto quanto eu amo você.

– Muito bem – concedeu ele. – Você pode me amar mais, mas vou amá-la melhor. – Ele esperou um momento. –

Não vai perguntar o que isso significa?

Edmund riu, uma risada alta, sincera e perfeitamente, esplendidamente calorosa. Ele estava tão feliz! E fazia Violet feliz. A mãe dela dissera que ele era muito jovem, que ela devia procurar um cavalheiro mais maduro, mas desde aquele momento encantador na pista de dança, quando suas mãos se encontraram e Violet olhou de verdade, pela primeira vez, dentro dos olhos dele, não conseguia imaginar a vida com ninguém além de Edmund Bridgerton.

Ele era sua outra metade, aquele que a completava. Eles envelheceriam juntos. Andariam de mãos dadas, se mudariam para o campo e fariam muitos e muitos bebês. Seus fi lhos não seriam solitários. Ela queria um monte deles. Um bando. Queria barulho e risadas e tudo o que Edmund fazia com que ela sentisse.

Acredito que seja Violet na Capa, será? Rs

E pra finalizar… Uma imagem de cada irmão, com seus respectivos pares…

os-bridgertons-evolucao

Espero que tenham gostado, e que o próximo Post sobre livros seja sobre e Viveram Felizes para Sempre! Rs

Até…

By: Andressa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s