[RESENHA] UM CASO PERDIDO – COLLEEN HOOVER

Ei Pessoas,

Tudo certo com vocês?

Normalmente quando leio livros de romance adolescente não faço resenha porque acho eles muito parecidos, talvez seja porque não leia tantos assim. Enfim, acabo de ler um que além de ter sido uma “História Nova” conseguiu me fazer chorar.

download

SINOPSE

Às vezes, descobrir a verdade pode deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras Sky nunca sentiu verdadeira atração por nenhum dos muitos garotos com quem esteve. Após anos estudando em casa convence sua mãe a fazer o último ano letivo na escola. É quando conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.

O QUE EU ACHEI!?

Sky não é exatamente uma adolescente normal, quando ela começa a falar que fica com muitos garotos (inclusive levando eles até seu quarto) e que tem uma melhor amiga, da pra pensar que é normal. Mas livro continua, e ai a gente é pego de surpresa com uma mão que não permite que ela tenha contato com a tecnologia. Sky não tem acesso a internet, não tem um celular e nem uma mísera TV em casa. E ah, ela também estuda em casa, isso tudo é um pouco estranho mas fica de lado quando você começa a se envolver com a segunda parte da história.

Sky conhece Holder em uma situação completamente estranha quando ele pensa que ela é outra pessoa. Confesso que eu ficaria com medo dele, mas ela fica totalmente confusas com seus sentimentos, sente medo e atração ao mesmo tempo. Quanto ele mostra um temperamento bem exagerado e surgem algumas fofocas sobre ele, pensei, lá vem mas um livro da menina recatada apaixonada pelo bad boy. Eu gosto dessa escritora, ela sempre consegue aprofundar as coisas, e com esse livro não foi diferente.

Depois da “segunda fase” do livro, eu só me surpreendi mais e mais a cada capítulo, da para desconfiar o que realmente aconteceu, mas quando a gente lê, eu não esperava pelos detalhes que são dados sem detalhar demais e fiquei desestabilizada. Nunca chorei lendo um livro como aconteceu com esse, já tinha ficado emocionada, mas chorar? Não, e não foi só uma vez, foram várias.

Foram quase 600 páginas e eu não senti isso, tão bem contado e sem nada para encher linguiça. Acho que tudo foi necessário para que eu me pudesse sentir tão próxima da personagem.

Espero que gostem,

até o próximo!

Andressa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s