[RESENHA] JOGOS DO PRAZER – MADELINE HUNTER

Ei Pessoas,

Tudo certo com vocês?

Continuando com a série dos Rothwells (que não tem tanto haver assim), hoje vamos do terceiro livro, partiu?

Jogos-do-prazer

SINOPSE

A bela Roselyn Longworth já aceitou seu destino. Depois que o irmão fraudou o banco em que era sócio e fugiu do país levando o dinheiro dos clientes, suas finanças ficaram arruinadas, assim como suas chances de conseguir um bom casamento.

Por isso foi fácil acreditar nas falsas promessas de amor de um visconde. Mas a desilusão não demorou a chegar: quando Rose não se sujeitou a seus caprichos na cama, o nobre se vingou leiloando-a durante uma festa em sua mansão.

Ela acredita que o destino lhe reserva um fim trágico. Ainda mais ao ser arrematada por Kyle Bradwell, um homem que venceu na vida pelo próprio esforço, mas não é bem-vindo nos círculos mais exclusivos.

Mas a jovem é surpreendida pela atitude dele, que a trata com um respeito e uma gentileza que ela não recebia desde antes do escândalo envolvendo o irmão. Quando Rose finalmente descobre o que está por trás do comportamento de Kyle, é tarde demais: já foi fisgada pelo homem que conhece seus segredos mais íntimos.

O QUE EU ACHEI!?

Depois de se iludir achando que Norbury estava apaixonada por ela, Rose descobre de uma maneira horrível que não era nada disso. Norbury leva Rose a uma festa no campo com seus amigos nobres, mas as acompanhantes eram prostitutas. Ao perceber o tipo de festa em que se encontrava quis ir embora, mas Norbury estava longe de terminar a humilhação contra Rose. Num rompante de raiva, ele decide fazer um leilão entre os ali presentes para poder passar a noite com ela.

Mesmo não sendo um nobre de sangue azul, Kyle aparentemente era o único cavalheiro. Ele dá um lance alto e consegue tirar Rose daquela situação e leva-lá para à casa da família em segurança. Mas a reputação de Rose já está arruinada e ela não vai mais poder ter contato com a irmã e a prima. Assim Christian faz uma proposta a Kyle, ele deve se casar com Rose para salva-la da desgraça.

Depois do casamento eles ficaram com alguns obstáculos,  são de mundos diferentes, Timothy também roubou de Kyle e o pior de tudo, Norbury, inimigo declarado de Kyle.

Eu não lembro detalhes do livro de Christian, então por enquanto esse foi o melhor dos 3. Acho que a forma como Kyle salva Rose, mesmo tendo seus interesses nela, é muito bonito. A forma como eles vão se conhecendo e aprendendo a gostar de quem eles são realmente é bem legal, tem toda uma história por trás, mas tudo gira em torno deles, só neles e os problemas que estão ligados diretamente a eles. Acho que a simplicidade de Kyle faz toda a diferença.

 

Espero que tenham gostado, até a próxima!

 

Andressa.

 

Anúncios

[RESENHA] LIÇÕES DO DESEJO – MADELINE HUNTER

Ei Pessoas,

Tudo certo com vocês?

Continuando com os Rothewell, partiu descobrir mais excentricidades dessa família?

LicoesDesejoNOVA15mm.indd

SINOPSE

Atraente, sutil e tentador, lorde Elliot Rothwell é um homem acostumado a fazer sucesso entre as mulheres e a conseguir tudo o que deseja delas.

Mas isso não se aplica a Phaedra Blair. A brilhante e exótica editora não parece disposta a ceder a seu pedido e cancelar a publicação das memórias de um membro do Parlamento que podem manchar o nome da nobre família Rothwell.

A pedido de seu irmão mais velho, o marquês de Easterbrook, Elliot vai a Nápoles para negociar com Phaedra. Historiador de renome e autor de livros respeitados, tudo indica que ele seja a pessoa ideal para a tarefa.

Porém, em vez de encontrar a bela mulher descansando à beira do mar Tirreno, Elliot descobre que ela está presa por causa de uma acusação injusta. Graças ao prestígio da família, o nobre consegue libertá-la, mas também se torna responsável por ela até voltarem à Inglaterra.

Percorrendo juntos uma das regiões mais belas e românticas da Europa, eles vão descobrir que discordam de quase tudo o que o outro pensa ou faz – exceto o que fazem juntos na cama. E, nessa aula de prazer, será cada vez mais difícil saber qual dos dois tem mais a ensinar.

O QUE EU ACHEI!?

Apesar de ter sido criado longe do pai e ter visto como ele tratava os irmãos, Elliot tem um senso de dever com o nome do pai quando descobre que uma fofoca antiga está prestes a ganhar fortes indícios de que realmente aconteceu. Como isso irá acontecer? O pai da Srta. Phaedra deixou um manuscrito com suas memórias para ser publicado.

Elliot vai atrás de Phaedra em Nápoles para tentar comprar a parte em que seu pai é mencionado. Ao abordar Phaedra, ela é convicta em sua decisão de publicar o livro inteiro, sem cortes ou suprimir nenhuma história. Mas devido a eventos ocorridos e inesperados, Phaedra está presa a Elliot pelo resto da viagem deles, e ele quer aproveitar isso para tentar convence-la a mudar de ideia. É lógico que eles se apaixonam durante esse período que passaram juntos, e até rola um casamento de mentira entre eles, será?

Eu queria poder falar mais sobre Phaedra, sobre esses ensinamentos deixados pela mãe dela e que sim, algumas coisas tem lógica, outras eu acho que nem tanto. Mas é um assunto delicado, melhor ficar quieto.

É legal reler o livro, momentos de vida diferentes, dias diferentes, não sei, a primeira vez que eu li, eu lembro que achei chatooooo demais, li só porque tinha gostado muito do primeiro e já tinha comprado a série toda, então.. Mas dessa vez foi diferente, eu acho que a parte da viagem ainda foi longa, poderia ter sido menor essa parte no livro, mas eu não achei massante e até bem interessante se passar em outro lugar, com outra cultura.

Espero que tenham gostado,

Até a próxima!!!

Andressa.

[RESENHA] AS REGRAS DA SEDUÇÃO – MADELINE HUNTER

Ei Pessoas,

Tudo certo com vocês?

Bora começar mais uma série de Romance de Época? Dessa vez a série completa, estou relendo todos os meus livros que ainda não estão aqui no blog.

AsRegrasdaSeduçãoNOVA15mm.indd

SINOPSE

Lorde Hayden Rothwell chega à casa de Alexia Welbourne sem aviso e sem ser convidado – um homem poderoso e sedutor, movido por interesses obscuros. Sua visita anuncia a ruína financeira da família de Alexia e o fim das esperanças da jovem de um dia conseguir um bom casamento.

Para se sustentar, a moça recebe a proposta de ser dama de companhia de Lady Henrietta Wallingford e preceptora de sua filha. O problema é que a oferta vem do sobrinho de Henrietta, ninguém menos que lorde Hayden.

Morando na casa da tia de Rothwell, Alexia descobre que a proximidade com o homem que destruiu sua família pode ser perigosamente irresistível. Num gesto impensado, ela se entrega a ele, e ambos se veem obrigados a se casar.

O que Alexia não sabe é que os atos aparentemente arrogantes de seu belo e sensual marido são motivados por uma dívida de honra que pode levá-lo a sacrificar tudo.

Com tantas mágoas e segredos entre eles, o casal tem tudo para se manter afastado. Mas Hayden é um homem apaixonante e Alexia, a tentação que o faz perder a cabeça. Morando sob o mesmo teto, eles acabam se aproximando e, juntos, vão descobrir um jogo de sedução em que cada um faz as próprias regras.

O QUE EU ACHEI?

Depois da ruína familiar causada por Hayden, a ultima coisa que Alexia deseja é trabalhar como perceptora de sua prima, porém, com a necessidade se ter um lugar para viver e quem sabe conseguir ajudar as suas primas, Alexia não tem outra saída.  Só que Hayden quer muito mais que a ajuda dela para o debute de Caroline.

Mesmo com toda raiva que sente de Hayden pelo o que ele fez com sua família, Alexia sente um desejo inexplicável por ele e não consegue fugir da tentação por muito tempo. Hayden que parecia que pediria para que Alexia se tornar sua amante, faz uma proposta diferente, a pede em casamento. Mesmo podendo perder o contato com sua família, Alexia aceita, e esse é só o primeiro desafio no casamento deles.

O livro não foca muito nos personagens principais, ele foca muito em introduzir a história das duas famílias, tanto que achei que ficou mal contado que “melancolia” é essa que vem da mãe do Hayden. Foi bem superficial como era a relação de Hayden com seus pais e porque ele é assim, não lembro mais, mas acredito que isso vai ter foco nos próximos livros, talvez no do Christian, irei redescobrir isso com vocês! Mas mesmo assim acho o livro maravilhoso, a forma como o casal de apaixona é bonito de se ler. Acho que a Madeline tem uma escrita muito parecida com a da Julia,  que me faz gostar muito dos livros dela.

Espero que tenham gostado,

Até a próxima!

Andressa.